Vejam o projeto da CNA pare reflorestar fazendas da amazonia

Preservando uma das maiores riquezas da Amazônia: a árvore

Os pesquisadores do Projeto Biomas começaram o ano de 2014 com o pé direito. No primeiro mês do ano, eles implantaram um importante projeto de pesquisa que utiliza árvores nativas da Amazônia para recuperação de Reserva Legal. “O objetivo da pesquisa é o de verificar o retorno social, econômico e ambiental que estas espécies possam oferecer sob a ótica de Área de Reserva Legal. A região, forte produtora de pecuária de corte, carece de dados desta natureza”, afirma Gustavo Curcio, coordenador geral do Projeto Biomas pela Embrapa.

O experimento foi implantado no município de São Domingos do Araguaia – PA, mais especificamente na fazenda Cristalina, propriedade do Sr. Walter Muller e sede do Projeto Biomas na Amazônia.

O projeto foi idealizado pelos pesquisadores Dra. Annete Bonnet e Dr. Gustavo Ribas Curcio. “Pretendemos avaliar o desenvolvimento das espécies no sentido de atender algumas demandas em relação ao uso de árvores naquela região, tais como lenha, mourão, fruteiras e recuperação ambiental propriamente dita. Assim, vamos demonstrar formas sustentáveis da produção na propriedade rural, envolvendo uma das maiores riquezas daquele bioma, a árvore”, diz Dra Annete Bonnet.

A ação envolve o uso de 12 espécies nativas (Parkia pendula – faveira bolota, Sclerolobium paniculatum – tachi-branco, Tabebuia impetiginosa – ipê roxo, Dipterix odorata – cumaru, Oenocarpus bacaba – bacaba, Platonia insignis – bacuri, Bertholletia excelsa – castanheira, Sterculia striata – chichá-do-cerrado, Pseudobombax munguba – munguba, Hymenaea courbaril – jatobá, Schizolobium amazonicum – paricá, Euterpe oleracea – açaí), garantindo elevada diversidade de espécies.

Veja a Nota Técnica de Pesquisa na íntegra:
http://www.canaldoprodutor.com.br/sites/default/files/02_NotaPesquisa_plantioAmazonia.pdf

SOBRE O PROJETO BIOMAS
O projeto Biomas, fruto de uma parceria entre a Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA) e a Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa), é uma iniciativa inédita no Brasil e tem como objetivo implantar sistemas produtivos que priorizem o uso do componente arbóreo nas propriedades rurais. Os estudos estão sendo desenvolvidos nos seis biomas brasileiros. O Projeto Biomas tem o apoio do SEBRAE, Monsanto, John Deere e Vale Fertilizantes.

Assessoria de Comunicação Digital do Sistema CNA/SENAR
(61) 2109-1382
www.canaldoprodutor.com.br
http://www.projetobiomas.com.br

Fonte: Canal do Produtor

Anúncios

Publicado em 27/01/2014, em Uncategorized. Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: